Foi.

“Foi muito lindo você ter vindo sempre sorrindo, dizendo que não tem de quê. Eu agradeço você ter me virado do avesso e ensinado a viver. Eu reconheço que não tem preço gente que gosta de gente assim feito você.” (Vinícius De Morais)

Anúncios

É.

Ele estava prestes a se casar e não poderia ou não queria assumir a sua responsabilidade fora dele. Sua noiva jamais imaginária que tinha um filho fora os que ela gostaria de ter com ele.

É estranho e ao mesmo tempo confuso. As pessoas se envolvem com outras e no final quem paga são os filhos do fruto proibido ou de uma aventura mal resolvida, por descuido ou seja lá o nome que queiram dar.

Fico me perguntando : Será que você não tem peso na consciência?. Como dorme todos os dias ao longo de 23 anos sem ao menos saber quem era aquela criança que você pediu que não estragasse sua vida?… Infinitas perguntas.

O mais estranho é te ver passar algumas vezes na porta daquela criança mesmo depois de casado. É estranho te ver no mercado e você achar que não sei quem tu és.

Tem dias que sonho com você mesmo sem te conhecer. Sonho conforme aquilo que um dia me contaram…

Não Precisa Dizer

“Confesso que me dá uma saudade irracional de você. E tenho vontade de voltar atrás, de ligar, de te dizer mil coisas, e cair em suas mãos, sem me importar com nada, simplesmente entregar-te meu coração. Mas não, renuncio, me controlo e digo para mim mesmo que não é assim, que não pode ser, que você se foi, e não volta.”
Caio Fernando Abreu.

12/05/2018

Orgulho Define

Não quero parecer texto de Facebook, muito menos aqueles em que a pessoa fica se vangloriando sobre determinada coisa. Muito pelo contrário. Não fiz mais que a minha meta para o começo do ano.
O ano passado terminou da pior maneira possível para mim. Então decidi que eu colocaria metas, pelo menos no primeiro semestre do ano. E consegui.
Aliás, estou conseguindo. Depois de tantas coisas ocorridas, achei que não seria forte o suficiente para correr atrás dos meus sonhos…
Nunca fui fanática por estudos (bem pelo contrário). Esforçada podemos dizer.
Eu lembro que você me apoiava em todas(quase) as minhas decisões. Só que você estava lá para eu poder contar todas as minhas vitórias ou derrotas.
Essa semana, depois de longos dias estudando e trabalhando como você mesmo sabe, eu corri atrás dos meus objetivos, plantei as sementes que faltava na minha vida. Eu, bem com a minha sinceridade fiz o que tinha que ser feito. Confesso que não me dediquei da forma que eu gostaria. Eu tive problemas em casa (dos meus pais), o de sempre mesmo como você sabe, mesmo assim não deixei me abater.
Eu estava extremamente ansiosa, só que naquele momento parece que tudo desapareceu: até mesmo você dos meus pensamentos. Apenas lembrei: Já deu certo. Com muita calma e leveza realizei minha primeira prova do concurso. Você sabia que era muito importante para mim. Acho que de alguma maneira, de algum lugar você estava sabendo que “já deu certo”. Só eu que não sabia.
20 dias de muita espera e angústia. Você sabia que não sei esperar nada. “Tudo é para ontem”.
Moral da história é que eu queria dividir com você a minha alegria do resultado. Queria pode te abraçar bem forte e chorar, como sempre fiz só que de alegria. Queria poder te beijar entre sorrisos e comemorar como nunca. Eu sei que isso ia acontecer… Você era meu porto seguro. Você me inspirava confiança, me abraça de maneira que eu sentia a sua força passando em mim. Tanta coisa eu queria te dizer, e agora não posso. Você não deixou isso acontecer. Eu só queria mesmo…
No meio de tantas palavras grosseiras, sei que o”ego” ia me fazer muito bem te olhar e dizer: eu sou capaz sem você. Eu sou muito mais do que tudo aquilo que gritou pelos corredores dizendo que sou.
Além da minha maior alegria, eu queria sim esfregar na sua cara que você não merece nada meu, nem mesmo as minhas alegrias ou tristezas.
Talvez você não vai ficar feliz de maneira alguma quando saber como estou (ótima) sem você. Que agora eu sei que quero tudo, que posso tudo, porquê o céu é limite para aqueles que sonham (diferente de você).
É que as vezes a gente precisa deixar ir aquilo que não nos pertence, para que coisas boas aconteçam. Para que a gente consiga enxergar o mundo (o nosso) de outra forma, talvez não redondo e sim em pequenas partes. Tipo um quebra cabeça que a gente monta depois de grande.
Estou feliz. Hoje, eu não pertenço a sua felicidade, aos dias bons que você tinha, as grandes coisas que você conquistou mais sei que estou como queria estar e da forma que eu queria fazer…

O Problema: Você.

A verdade é que transferi toda sua incapacidade, mentira, decepção, arrogância, infidelidade, etc e etc para mim mesma. Eu realmente estava pensando em te ligar ou te procurar nos bares que a gente frequentava, para dar minha cara a tapa mais uma vez.
Estava disposta a retirar todas as ofensas, rejeições, inconstâncias para continuar com você.                                                                                                                                                  Uma semana de pura tortura. Olhar no espelho e ver sua imagem. Dormir e sonhar com você. Eu quase enlouqueci…
Fiquei calada todos os dias, pensando, refletindo, juntando, arrumando e todo mundo percebeu, mais ninguém se lançou a perguntar. Até achei melhor, porquê você sabe que eu odeio ficar me explicando, dizer que sinto tudo ou nada. E você sabia…
Confusão do dia a dia, tento trabalhar, estudar, fazer mil coisas ao mesmo tempo para não pensar na tragédia lançada sobre nossas vidas: INFIDELIDADE, INSEGURANÇA.
Em todas as horas como você sempre soube, eu me pego conversando com Deus. Pedi que me guiasse e te protegesse. Que na nossa caminhada não foi fácil, eu reconheço. Foi aí que as lamparinas do meu juízo ascenderam. Aliás, acendeu não, brilhou… você também se lembra muito bem sobre isso. Fiquei pedindo a Deus que me mostrasse um caminho, uma saída e ela chegou.
Era 12:15, depois de não querer te lembrar recebo uma mensagem de um número desconhecido,”desejando aos amigos” uma feliz pascoa, e junto a dela arrogância e ego. Eu não tive dúvidas que era você…
Ai eu percebi que o problema não era eu ou realmente meu… SEMPRE SERÁ VOCÊ.
Me sinto bem, muito bem. Livre e feliz dos pensamentos e angústias que não me pertencia.